Cia de Talentos

Cia de Talentos na Imprensa

Filtre por: ImprensaArtigos Videos Vídeos Áudio Áudios

Google é a empresa mais desejada entre os jovens, revela pesquisa

No ranking das Empresas dos Sonhos dos Jovens, Petrobras e Odebrecht aparecem em seguida

 

Pelo segundo ano consecutivo, a Google manteve a primeira posição no ranking da pesquisa Empresa dos Sonhos dos Jovens. Em sua 14º edição, o estudo realizado pela Cia de Talentos e pela Nextview People entre janeiro e abril de 2015, pode causar surpresa ao apontar Petrobras e Odebrecht em segundo e terceiro lugares, respectivamente, mais uma vez.

“Os jovens acreditam que a corrupção é uma escolha do profissional e não necessariamente uma decisão corporativa. Para eles, empresas como Petrobras e Odebrecht são maiores do que a eventual conduta de alguns de seus funcionários. O que vale é sua história, o legado que essas organizações geraram para o País, além da enorme possibilidade de crescimento e desenvolvimento que elas propiciam para seus colaboradores.”, explica Maíra Habimorad, CEO da Cia de Talentos.

Alguns destaques importantes sobre o ranking das empresas dos sonhos:

· A PwC cresce desde 2013, quando estava em 9º lugar. Ano passado passou para 6º e agora ganhou mais uma posição, ficando em 5º lugar na escolha dos jovens.

· Vale e Ambev estão presentes no ranking desde 2009 e este ano subiram posições também. A Vale de 5º para 4º lugar. E a Ambev de 10º para 6º lugar.

· A novidade no ranking em 2015 é a Rede Globo, que aparece em 10º lugar.

A pesquisa contou com a resposta de 67.896 jovens brasileiros com idade entre 17 e 26 anos. Entre os participantes, 56% são mulheres e 44% homens. Foram ouvidos jovens em todas as regiões do Brasil, de acordo com a proporção da distribuição de cursos superiores no país: 43% no Sudeste, 22% no Nordeste, 18% no Sul, 10% no Centro-Oeste e 7% no Norte.

Este ano, 52% dos jovens ouvidos disseram ter uma empresa dos sonhos para trabalhar. Os outros 48% ainda não definiram o que caracteriza sua empresa dos sonhos. Esse percentual vem aumentando desde 2012, quando era de 23%. Hoje, cinco em cada dez entrevistados ainda não definiram o que caracteriza sua empresa dos sonhos.

Motivos de escolha da Empresa dos Sonhos

Entre os motivos de escolha, os jovens apontaram: 1) desenvolvimento profissional; 2) boa imagem no mercado; 3) fazer o que gosta; 4) desafios constantes; e 5) possibilidade de inovar.

O que mudou de 2014 para 2015 foi a ordem de importância dos motivos “fazer o que gosta” e “possibilidade de inovar”. Eles trocaram de posição: possibilidade de inovar aparecia em terceiro lugar, agora aparece em quinto. E fazer o que gosta subiu duas posições.

Para escolher a empresa de seus sonhos, os jovens dizem buscar referência, principalmente, na qualidade de seus produtos e serviços (49%); em redes sociais e na internet (40%); nas iniciativas que a empresa tem no campo social, cultural, ambiental etc (38%); em informações veiculadas na mídia (37%); por comentários de amigos e professores (34%); por pessoas que trabalham naquela empresa (34%); entre outras razões.

“A qualidade gera sensação de ser ouvido, valorizado e cuidado. Aponta também a coerência entre o que a empresa faz e fala. Nas redes sociais, a facilidade de refutar ou endossar uma informação favorece a sua credibilidade. E a responsabilidade social vem ganhando importância ano a ano. A expectativa é de que as empresas façam parte da transformação da sociedade e da resolução dos problemas do país. Há a ideia também de que empresas responsáveis com a sociedade são preocupadas com seus colaboradores”, diz Danilca Galdini, sócia-diretora da NextViewPeople.

Abaixo, veja o ranking completo:

1 – Google

2 – Petrobras

3 – Odebrecht

4 – Vale

5 – PWC

6 – Ambev

7 – Nestlé

8 – Itaú

9 – Apple

10 – Google

 

 

Fonte: Administradores.com