Como devo me vestir para uma entrevista de emprego?


11/09/2019
Por Cia de Talentos

Quando participamos de um processo seletivo, vários aspectos são avaliados, certo? Não é novidade de que um destes aspectos, certamente, é o que estamos vestindo já que o modo como nos vestimos diz muito sobre quem somos ou sobre como queremos que nos vejam.

Por isso, é importante que você gaste um tempo durante o processo seletivo para pensar no que você vai usar no dia da entrevista ou da dinâmica. Mas como definir o que tenho que usar? Devo ter alguns conjuntos de roupas só para as entrevistas? Tenha calma, respire fundo que vamos te ajudar!

Antes de mais nada, é essencial que você estude a empresa que você está participando da seleção para conhecer o “dress code” ou o código de vestimenta dela.

Ele serve para orientar os colaboradores a como se vestir para transmitir e expressar as características daquela empresa. Para te ajudar a entender melhor, pense que para conseguir transmitir a informação que deseja é preciso utilizar as palavras certas. O mesmo acontece com a vestimenta, assim como a maneira como nos vestimos conta sobre quem somos, a maneira como os colaboradores de uma empresa se vestem, também diz muito sobre ela. Legal, mas como conhecer o dress code de uma empresa?

Existem algumas maneiras de descobrir tal informação: comece aprendendo sobre sua cultura, visão, missão, valores e segmento de atuação, informações que você pode descobrir no site da empresa. Você também pode visitar as páginas da empresa nas redes sociais e perceber qual o estilo de roupa nas imagens e fotos. Procure conversar com algum colaborador, caso tenha contato. É importante que você entenda que dependendo do segmento da empresa, a forma de se vestir pode mudar completamente. No setor financeiro, as roupas costumam ser mais formais. Já as start-ups permitem roupas mais despojadas e, dependendo da cultura, mais descontraídas.

E se continuar na dúvida, mesmo depois de todas essas pesquisas? Não entre em pânico, temos algumas sugestões que podem servir de base para sua escolha de roupa.

Não fuja do básico, use tons neutros, poucas estampas, saltos não muito altos, maquiagem leve e evite chamar mais atenção para sua roupa ou corpo do que para suas competências. Lembre-se que o mais importante é você conseguir trazer para o entrevistador mais sobre suas experiências, história e capacidades, por isso, ir mais “clean” ajuda. Não queremos parecer óbvios, mas vale lembrar que higiene pessoal também conta, ok? Então não se esqueça de garantir que está limpinho e penteado. E caso queira esclarecer de vez a dúvida, você também pode perguntar sobre o dress code na entrevista.

Por fim, não se esqueça que a ideia é você poder adaptar seu estilo e não mudar drasticamente.É importante ser você mesmo e saber expressar a sua individualidade. Por isso, lembre-se que o dress code é um guia que pode ser acomodado dentro de suas particularidades, para que você possa e deva continuar mantendo sua identidade visual. E ninguém melhor do que você para saber a forma mais adequada de fazer este ajuste!

“Se há uma regra para se vestir, para a moda, é basicamente a mesma regra que para tudo na vida: não vá contra si mesma, não vá contra sua própria natureza. Isso ficará evidente.” DIANE VON FÜRSTENBERG.

Mariana Reis 
Consultora da Cia de Talentos